cinema

Escola de Quebrada, filme do Paramount+ produzido por Kondzilla, começa a ser gravado

O filme, produzido pelo vis em parceria com Kondzilla, é criado e dirigido por Kaique Alves e Thiago Eva e protagonizado por Mauricio Sasi, Lucas Righi e Bea Oliveira.

O Paramount+ anunciou o início das gravações de seu novo longa-metragem original, Escola de Quebrada. Esta é a segunda produção cinematográfica do VIS, divisão de estúdios da Paramount, produzida no Brasil.

Foto: Divulgação
Anúncios

Escola de Quebrada é uma comédia juvenil que retrata a poderosa e apaixonante cultura jovem das favelas de São Paulo, onde a presença do funk brasileiro tem uma grande influência no estilo: o jargão, a estética, a roupa, a música e claro, no humor único e original.

O filme contará a história de Luan (Mauricio Sasi), um jovem estudante de escola pública da Zona Leste de São Paulo que, cansado de sempre ser excluído dos grupinhos e principalmente, ser invisível aos olhos de Camila (Laura Castro), quer ser respeitado e popular. Mas nesse universo, essa missão não parece ser tão simples.

Na tentativa de fazer parte de algum grupo, Luan consegue ter a inimizade de todos e até coloca em risco o amado campeonato de futsal da escola. Para fugir dessa bagunça, ele vai precisar da ajuda de seus amigos Rayane (Bea Oliveira) e David (Lucas Righi). Juntos, eles encontram uma maneira de salvar o campeonato e obter a tão desejada atenção de Camila. Ou pelo menos é o que Luan pensa.

O filme é produzido pelo VIS, divisão da Paramount, em parceria com Kondzilla. Com criação de Kaique Alves e direção de Alves e Thiago Eva.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: