Saúde

Jornada de Saúde Africana faz um ano e promove bolsas à pessoas pretas e indígenas

Evento reúne ensino teórico e prático de tecnologias ancestrais de autocuidado a partir da filosofia africana.

O casal Candace Makini e Amani Kush, gestores da plataforma Kiumbe Ixi, desenvolveram a ‘Jornada Seneb Nbw’ (se lê ‘nebú) que completa um ano de atividades em abril de 2021. A ideia foi desenvolvida como uma adaptação aos eventos de promoção da saúde holística africana realizados presencialmente em São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Rio Grande do Sul,  Brasília e Santa Catarina. Nesta edição especial de um ano, serão selecionadas cinco pessoas pretas ou indígenas que estejam passando por questões emocionais e/ou psicólogicas decorrentes da pandemia e do isolamento social.

Candace Makini e Amani Kush Foto: Divulgação

Durante a pandemia, o álcool e a cafeína têm sido as drogas psicoativas mais consumidas, segundo o neurocientista americano Carl Hart relatou em janeiro deste ano. Além disso, segundo pesquisa realizada pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), em conjunto com as Universidades Federais de Minas Gerais e Campinas, 40% dos entrevistados relatou se sentir triste ou deprimido com frequência, sendo que entre essas pessoas o aumento da ingestão alcoólica foi de 24%, acima da média geral.

No quesito alimentação, em pesquisa do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Alimentação (NEPA), unidade gerida pela Coordenadoria de Centros e Núcleos Interdisciplinares de Pesquisa da Unicamp (Cocen/Unicamp), pessoas com excesso de tarefas relataram aumento de aproximadamente 40% no consumo de delivery de fast-food e 34% no consumo de delivery de comida pronta.

Jornada Seneb 2020 Foto: Divulgação

Tais dados são um alerta sobre os impactos psicológicos e de alimentação da população durante o isolamento social, e de como a Jornada Seneb pode proporcionar um novo olhar para a população negra, indígena e periférica sobre os cuidados com a saúde.

A palavra Seneb, escolhida para intitular a jornada, significa ‘saúde’ no idioma Mdw Ntchr (se lê ‘Medú néter’), original do Antigo Egito. “A situação atual é um convite para utilizarmos as ferramentas de auto-integração e cura deixadas pelos nossos ancestrais, para que possamos defender a nossa integridade física e a saúde plena”, comenta a Terapeuta Holística Candace Makini.

Anúncios

A jornada contempla estudos e práticas de saúde holística africana, meditação, yoga africana, introdução à alimentação viva (I-tal), cristaloterapia, além de conhecimentos sobre os Essênios: A Antiga Ordem Sagrada Africana, trazidos pela convidada especial Emaye Ama Mizani. “Emaye  é pesquisadora de saúde holística africana há 10 anos, instrutora de Kemetic Yoga, gestora da plataforma Ankhcestral e contribuiu significativamente em nosso caminho de entendimento da Saúde Holística Africana”, comenta Amani Kush, instrutor de Kemetic Yoga e músico.

Ao final do encontro, ocorre um tradicional almoço coletivo de alimentação viva (I-tal), e nesta edição especial de um ano, também ocorrerá uma apresentação musical de Amani Kush, com o intuito de elevar as vibrações com melodias e palavras de poder. As inscrições estão abertas pelo valor de R$ 100,00 e podem ser feitas por Whatsapp. 

Jornada Seneb 2020 Foto: Divulgação

Os interessados devem demonstrar interesse via mensagem no instagram da plataforma. O evento contempla seis encontros online, entre os dias 10 e 18 de abril, que ocorrerão via plataforma Zoom, além de trocas de informações e materiais de estudo pelo Whatsapp.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: