Noticias

Violência policial e explícita em vídeos de moradores de Paraisópolis, 9 mortos e moradores pedem justiça

Vídeos mostram a crueldade do policiais contra jovens que frequentavam o baile da DZ7

Durante a madrugada de domingo (1) um baile ocorria na zona sul de São Paulo, o baile da DZ7, moradores relataram que a polícia chegou e começou toda a confusão, muitos informaram que a PM já chegou atirando e usando bombas de efeito moral. Em vídeos gravados por moradores mostram a correria dos frequentadores do baile sendo logo em seguida encurralados pela polícia e agredidos de forma covarde:

Infelizmente nove pessoas morreram pisoteados (oito homens e uma mulher) durante a ação policial que são:

Marcos Paulo Oliveira dos Santos, 16 anos

Bruno Gabriel dos Santos, 22 anos

Eduardo Silva, 21 anos

Denys Henrique Quirino da Silva, 16 anos

Mateus dos Santos Costa, 23 anos

Homem não identificado 1, aproximadamente 28 anos

Gustavo Cruz Xavier, 14 anos

Gabriel Rogério de Moraes, 20 anos

Luara Victoria de Oliveira, 18 anos

Na versão da PM a mesma estava na busca de 2 suspeitos que teriam atirado nos pms que realizavam uma operação na região, após perseguição os suspeitos teriam se infiltrado no baile durante para fugirem dos policiais. No momento da confusão teria cerca de 5 mil pessoas no baile.

Vídeos estão circulando pela internet mostram a violência polícia com jovens que frequentavam o baile:

Varios jovens que frequentavam o baile deram suas versões sobre o ocorrido:

Chegaram atirando em todo mundo. A gente estava no baile e primeiro veio a bomba. Começaram a cair as pessoas, passando mal, e a desmaiar, sendo pisoteadas. Ficamos encurralados. Não tinha para aonde correr, para aonde ir. Muita gente caindo já morta, a polícia atirou. Muitas pessoas tentavam salvar a própria vida. Vi muito sangue e escutei bastante barulho de tiro” disse um jovem.”

O governador de São Paulo João Doria usou o Twitter para falar sobre o fato ocorrido:

Seis policiais que participaram de uma perseguição seguida de tiros em Paraisópolis, na Zona Sul de São Paulo, prestaram depoimento na tarde deste domingo (1º). As armas deles foram apreendidas após participarem da ação na madrugada deste domingo

O porta-voz da PM também comentou sobre oa vídeos da violência policial:

Nós recebemos as imagens, todas as imagens já estão incluídas no inquérito policial militar para serem analisadas, nós não temos certeza de que tudo tenha acontecido nesta madrugada, mas de alguma forma algumas imagens nos sugerem abusos, nos sugerem uma ação desproporcional por parte da polícia e evidentemente que o rigor na apuração vai responsabilizar quem efetivamente cometeu algum excesso, cometeu algum abuso.

Durante a noite de domingo (1) moradores da região protestaram contra a violência policial e as mortes de inocentes devido a ação da polícia:

Fonte: G1, Ponte Jornalismo e UOL Notícias t

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: