Novidades

Mais Diversidade amplia trilha de educação antirracista para empresas

Com foco na formação de lideranças e pessoas colaboradoras mais inclusivas nas empresas, a Mais Diversidade, a maior consultoria de diversidade e inclusão da América Latina, amplia sua trilha de Educação Antirracista com três frentes: Conceitual, Vivencial e Prática, que começaram a ser oferecidas em novembro, como forma de ampliar o repertório de letramento racial nas organizações.

Anúncios

A grande novidade é o modelo de treinamento vivencial, que entre as possibilidades, inclui um Tour pelo circuito da Pequena África no Rio de Janeiro, marco importante da população negra na construção da História do Brasil, em parceria com a ONG Rio Memória e Ação. O objetivo é fortalecer as narrativas de memórias sensíveis e gerar reflexões sobre o processo de nossa identidade cultural.

A experiência inclui percursos guiados por professores de história, geografia e músicos, que passam por espaços históricos do centro do Rio como o Cais do Valongo – local que mais recebeu pessoas escravizadas vindas da África Morro da Providência e cemitério dos Pretos Novos – entre outros locais . Ao final do trajeto, as pessoas participam de uma roda de conversa com a consultora da Mais Diversidade, Janaína Gama, para compartilhar reflexões e conectar com ações antirracistas que podem ser levadas para as empresas. A ideia é que o tour seja adaptado para a realidade de cada região do país, já tendo programação em Brasília e Salvador para grupos de 20 a 30 pessoas.

Conceitual

Educação Antirracista

Essa abordagem será apresentada a todos as pessoas colaboradoras em uma linha expositiva de conceitos como racismo brasileiro x racismo norte-americano, racismo estrutural, “racismo reverso”, negritude, branquitude, interseccionalidade, entre outros. Estão previstas enquetes e dicas de livros, séries e filmes. O objetivo é conscientizar os participantes de que o enfrentamento do racismo é papel de toda sociedade, e não apenas da população negra.

Vivencial

Curadoria para vivência cultural e debate

Prevê curadoria de atividades culturais relacionadas à temática racial, tais como: exposições, peças teatrais, filmes, séries, livros (há a possibilidade de clube do livro), musicais, museus, circuitos históricos, entre outros. A partir da vivência de conteúdos de qualidade, um debate qualificado sobre a temática, conectando com aspectos relacionados ao mundo do trabalho.

Anúncios

Prática

Como ser uma liderança antirracista na prática

Esta modalidade é voltada a pessoas tomadoras de decisão e traz aspectos práticos de uma liderança antirracista, apresentando um passo a passo que irá ajudar gestores (as) a ampliar o seu repertório no tema. Há também simulações relacionadas à contratação e desenvolvimento de profissionais negros e indígenas, além de análise de casos, sempre tendo a diversidade racial e suas diversas dimensões como pano de fundo.

“São programas que precisam ser colocados em prática nas empresas e que devem ser trabalhados todos os dias do ano, não em apenas um mês específico. Além disso, a temática racial faz parte da agenda ESG (práticas ambientais, sociais e governança) empresarial e ainda notamos que muitas organizações estão atrasadas nessa questão e o preconceito está impregnado nos diversos setores. De passo em passo mudamos todo um processo, mas esses passos devem ser dados. Não temos mais tempo para deixar para depois”, afirma Janaína Gama, consultora sênior e head de conteúdo da Mais Diversidade,

Para mais informações sobre as trilhas de Educação Antirracista e como colocá-lo em prática na sua empresa, entre em contato Mais Diversidade

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: