Matérias

Martin Luther King Jr. Day é comemorado nos Estados Unidos

A data é comemorada na terceira segunda-feira de janeiro.

O MLK Day ou Dia de Martin Luther King Jr. é comemorado toda terceira segunda feira de janeiro chega a mais uma data de comemoração, hoje (17) o feriado nacional nos EUA é tratado com muita importância, afinal, as ações históricas do pastor e ativista dos diretos civis e dos negros norte-americanos é um marco na historia recente dos norte-americanos.

Ronald Reagan e Coretta Scott oficializam o Dia de Martin Luther King. Foto: Reprodução
Anúncios

Um dos 3 feriados em nome de uma pessoa nos Estados Unidos, a historia do feriado começa ainda em 1973, 6 anos após a morte do ativista, quando Illinois adotou o feriado, 13 anos depois em 1986 o feriado se tornou nacional.

Ainda sim, o feriado passou por polemicas, um ano após sancionado, o governador do Arizona acaba com o Martin Luther King Day como seu primeiro ato de governo, isso dá início a uma onda de boicote ao estado. Entre eles está o boicote da NFL que em 1991 transfere o local do Super Bowl de 1993 de Phoenix, Arizona, para Pasadena, Califórnia, como boicote a cidade de Arizona, mas já no ano seguinte cidadãos de Arizona aprovam em votação o Martin Luther King Day e o estado voltaria a receber o Super Bowl em 1996 na cidade de Tempe.

O reconhecimento do feriado por todos os estados norte-americanos demorou a acontecer, apenas em 2000, Utah passou a reconhecer Martin Luther King Day pelo nome, rebatizando seu feriado estadual do Dia dos Direitos Humanos.

Martin Luther King Jr.

Nascido em 15 de janeiro de 1929, Martin Luther King Jr.foi um pastor batista e ativista político estadunidense que se tornou a figura mais proeminente e líder do movimento dos direitos civis nos Estados Unidos de 1955 até seu assassinato em 1968. King é amplamente conhecido pela luta dos direitos políticos através da não-violência e desobediência civil, inspirado por suas crenças cristãs e o ativismo não-violento de Mahatma Gandhi.

King liderou em 1955 o boicote aos ônibus de Montgomery e posteriormente se tornou o primeiro presidente da Conferência da Liderança Cristã do Sul (abreviado em inglês como SCLC). Como presidente da SCLC, ele liderou sem sucesso em 1962 a luta contra a segregação em Albany, e foi um dos participantes que organizaram os protestos não-violentos de 1963 em Birmingham. King ajudou na organização da Marcha sobre Washington onde ele ditou seu famoso discurso “Eu Tenho um Sonho” (“I Have a Dream“) aos pés do Memorial de Lincoln.

Em 1964, ele recebeu o premio Nobel da Paz, por combater o racismo nos Estados Unidos através da resistência não-violenta.

Anúncios

 King foi assassinado em 4 de abril de 1968, em Memphis. Sua morte causou forte reação e foi seguida por manifestações em várias cidades dos Estados Unidos. Alegações que o assassino convicto de King, James Earl Ray, ter sido coagido ou agido em conjunto com agentes do governo persistiram por décadas após o tiroteio. 

Fonte: Wikipédia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: