TV

5 motivos para a assistir Harlem por Maiara Nascimento

Uma das novas series da Amazon Prime chega com protagonismo da mulher preta em evidencia em temas pertinentes com bom humor.

A serie Harlem exibida pela plataforma de streaming Amazon Prime chegou em dezembro de 2021, a serie da escritora Tracy OliverGirls Trip ), Harlem uma nova comédia que segue quatro melhores amigas estilosas e ambiciosas no Harlem NYC, a meca da cultura negra na América. 

Anúncios

A série é estrelada por Meagan Good como “Camille”, Grace Byers como “Quinn”, Shoniqua Shandai como “Angie”, Jerrie Johnson como “Tye” e Tyler Lepley como “Ian”. Outras estrelas convidadas recorrentes incluem Whoopi Goldberg como “Dr. Elise Pruitt”, Jasmine Guy como “Patricia”, Andrea Martin como “Robin”, Robert Ri’chard como “Shawn”, Juani Feliz como “Isabela”, Kate Rockwell como “Ana” e Sullivan Jones como “Jameson”.

A professora e criadora de conteúdo baiana Maiara Nascimento em seu instagram @mai.prof trouxe 5 motivos para você assistir está serie, confira:

1- A série é escrita por uma mulher negra Tracy Oliver, a escritora e produtora por trás de alguns dos mais engraçados projetos liderados por mulheres negras da última década. Oliver compartilha o momento alucinante que ela teve no set e como ela aprendeu a ignorar as pessoas que lhe diziam para “parar de escrever personagens negros”.

2- A série centraliza a sua história e vivências na vida de 4 mulheres negras com mais de 30 que de maneira leve e engraçada precisa enfrentar as complexidades da vida, como relacionamentos, vida profissional, além também de trazer temáticas fundamentais sobre o racismo e o machismo estrutural na vida das mulheres negras.

Harlem Foto: Amazon Studios

3- Um dos primeiros pontos a serem traçados na série é sobre a solidão da mulher negra. De maneira descontraída vem trazer a dificuldade das mulheres negras terem relacionamentos sérios e serem preteridas.

Harlem Foto: Amazon Studios

4- Um outro ponto muito importante é sobre a desconstrução da “mulher forte” tem uma cena que mexeu muito comigo, no qual o médico trata uma das personagens doentes como se ela não tivesse nada, como se ela tivesse que ser forte naquele momento, aquela cena me tocou demais.

5- A série discute o machismo Estrutural que as mulheres negras também precisam enfrentar até mesmo por homens negros. Tem uma cena que uma das personagens está na barbearia e lá ela acaba ouvindo um monte de merda entre homens, e o que estava cuidando do cabelo dela “passa pano” em frente ao colega que estava fazendo comentários misóginos. Essa cena explícita as dificuldades que até dentro da comunidade preta as mulheres negras enfrentam em discutir machismo e misoginia.

Anúncios

Além disso traz questões como as microagressões do racismo no dia a dia, a ideia da mulher negra ter que se a melhor nos espaços, as dores e sensibilidades das mulheres negras, as complexidades das relações interraciais, relações LGBTQI+ e muito mais!

Maiara é Professora de História, com formação em História na UFBA e pós graduação em Ensino de História.

Siga a Mai no Instagram!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: