TV

Estação Livre, com Cris Guterres, fala sobre sustentabilidade em diversos setores

Moda, beleza, social e muito empresarial na edição de hoje do programa.

Na sexta-feira (30/7) o Estação Livre lida com um tema essencial: a sustentabilidade. Abordando os três pilares principais para ter um mundo mais sustentável – questões ambientais, econômicas e sociais -, Cris Guterres conversa com a gerente sênior de riscos e controles internos Viviane Elias Moreira e com o supervisor de sustentabilidade no Mercado Livre, Filipe de Figueiredo Oliveira, às 22h,na TV Cultura.

Foto: Beatriz Girão
Anúncios

O programa tenta decifrar a sigla ESG (enviromental, social and governance, ou, ambiental, social e governança, em português), que vem sendo implantada nas pequenas e grandes empresas ao redor do globo. Para entender como práticas sustentáveis podem ser colocadas em ação nos diversos setores, como moda, gastronomia, hotelaria e outros, o Estação Livre apresenta reportagens que exploram tais seguimentos e novas iniciativas que contribuem de maneiras ativas para um mundo mais sustentável.

Reportagens

Explorando a questão da sustentabilidade no mundo empresarial, o Estação Livre conversa com o consultor Ricardo Voltolini, que conta como as grandes corporações tratam o tema atualmente. A atração não conta somente com falas de especialistas, mas também com depoimentos de o que as pessoas do bairro de Guaianazes, da zona leste de São Paulo, entendem por sustentabilidade e o que fazem para cooperar com essa iniciativa. Além disso, a dica do dia fica com o rapper Dexter, que indica seu clipe Voz Ativa, uma releitura de um clássico dos Racionais MCs.

Se aproximando mais das periferias, o programa apresenta a organização já atuante a mais de 10 anos, a Gerando Falcões, que foca em atuar nas comunidades do país, trabalhando desde a formação e encaminhamento de jovens para o mercado de trabalho, até campanhas de combate à fome.

Ainda nessa linha, o projeto Organicamente Rango entra em cena com suas ações no bairro de Campo Limpo, na periferia de São Paulo, que oferece produtos orgânicos para os moradores da região e alimentação saudável para a população vulnerável. Para entender melhor essa iniciativa, o idealizador do projeto Thiago Vinícius, que já foi incluído na lista de 50 jovens que estão promovendo e transformando a gastronomia pelo mundo, considerada o Oscar desse setor, compartilha como o Organicamente Rango foi crescendo e os detalhes de como ele é organizado atualmente.

Entrando no mundo da moda, o programa conversa com duas profissionais que estão empenhadas em impactar o universo fashion com ações sustentáveis: a estilista Cintia Felix, da confecção AZMarias, e a designer de moda Carol Barreto, da Fashion Revolution. E, ainda no universo da beleza, o programa chama atenção a marca de cosméticos sustentáveis Kurandé, que nasceu e cresceu no Complexo do Alemão, no Rio De Janeiro. Com sua cosmetologia natural, eles querem promover o autocuidado e fortalecer a autoestima das populações negra, indígena e periférica.

Para finalizar, a questão da sustentabilidade na hotelaria é abordada através do projeto Hotel Sustentável, uma fazenda de 300 hectares em Ibiúna, a 80 quilômetros da cidade de São Paulo, que dá exemplo de como envolver hóspedes e funcionários na preservação da Mata Atlântica e ainda fomentar a economia local.

Anúncios


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: