Matérias

PJ Kaiowá destaca protagonismo preto nos quadrinhos

PJ Kaiowá é um quadrinista carioca negro que, recentemente, ingressou no mercado internacional dos quadrinhos. Na última semana, foi destaque nos EUA com o lançamento de “Carnívora”, sua HQ que foi lançada no Brasil em 2015, e acabou de ganhar uma versão lá fora pela editora americana Behemoth Comics.

PJ Kaiowá Foto: Ivson Lima
Anúncios

“Em Carnívora eu uso o terror pra mostrar o que o morador de favela vive pelo descaso e abandono. Tudo de ruim pode acontecer lá e não causa sequer remorso nas pessoas. Muitos nem acreditam e dizem que o mal começa ali e vai ser resolvido mandando o braço armado do Estado. Temos uma policial que cai de paraquedas no meio de um fogo cruzado e precisa se posicionar antes de responder a pergunta: onde está o monstro?”, explica PJ. 

Como artista preto sempre perguntam da dificuldade de ingressar no mercado de quadrinhos, se existe alguma resistência ou coisa do tipo. “Eu digo que a dificuldade está bem antes do mercado. Está no preparo, no tempo de dedicação, na aquisição de materiais, no ambiente propício para o desenvolvimento de seus talentos, no poder errar e saber que tem o direito de tentar de novo. Uma vez que você se mostra apto ao trabalho, “não existem mais problemas” e a coisa flui. Já no autoral “sentimos na pele” isso. Não somos todos que temos grana pra bancar um projeto autoral ou estarmos num evento que nos dê visibilidade. Às vezes por grana mesmo ou por estar num trampo que não nos permite a folga e também tem o fato das próprias histórias. Um preto ou uma preta com um gibi com preto na capa é rejeição na certa, ou simplesmente falta de interesse no que esse artista tem a dizer”

Anúncios

Mas, como contador de história brasileiro, não consegue se deslocar da realidade que cerca na hora de pensar numa história. “Por mais influenciado que eu seja pelos produtos que consumo e que somos ensinados a gostar, eu busco autenticidade nas histórias, eu quero que as pessoas se identifiquem com algum personagem ou situação. Quero que aquele momento seja real pro leitor. Quero mostrar como as coisas funcionam por aqui e, principalmente, quero mostrar que tem algo errado na hora de dizer quem são nossos heróis. Foi assim que surgiu LUME. Uma mina preta, periférica e que sonha em ser uma artista bem sucedida na dança. Uma personagem que teria seu próprio nome e rosto na capa e de forma bonita e poderosa”.

Esse é o propósito de PJ, mostrar ao público negro que é assim que eles são, e não o marginal do morro. “O recado que chega nessa molecada é esse: que você luta pra apanhar. Não tem muita escolha, e a arte tem seu papel, junto da educação, fundamental nessa construção. Quando você vê que somos sempre retratados como marginalizados e descendentes de escravos, estão nos mantendo presos nesse estigma e período criminoso e vergonhoso. Sim, é um fato, mas tem outro: somos criativos, somos inventivos, somos artísticos, somos lindos, somos fortes! É isso que Lume é. Uma luz no meio dessa escuridão toda em que nos colocam. Um caminho para aqueles que precisam fazer três vezes mais pra ter o mínimo. Para mostrar nossas dificuldades e angústias, que a sociedade não admite um preto vitorioso, mas que somos 51% da população brasileira e somos poderosos. É aquela garota que vai ser objetificada pelo seu jeito de ser, mas que vai salvar a sua vida quando a coisa apertar”.

Eu sou Lume Foto: Divulgação

PJ mostra também o cotidiano, como em “Muito Prazer. Lia”. Mostrar que no ordinário se cria mundos e que às vezes nossa vida, que julgamos sem graça, pode ser inspiradora para alguém. “Em todas as histórias eu busco este ponto: “Você é importante e tem o seu papel”. Eu fico super motivado ao ouvir uma música, assistir um filme que tenha essa carga de verdades e isso que quero que as pessoas sintam ao lerem alguma das minhas histórias. Quero me comunicar, quero dizer “pega na minha mão que estamos indo na mesma direção”, finaliza. 

Todos os quadrinhos estão disponíveis em – https://www.pjdraw.com/ – Carnívora está com a versão pdf gratuita no site em comemoração ao lançamento nos EUA. 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: