Noticias

Entenda o caso de Robson Oliveira, preso a mais de 1 ano na Rússia por crime que não cometeu

Motorista pode pegar até 27 anos prisão.

O motorista brasileiro Robson Oliveira está preso na Rússia há mais de 1 ano e seu caso ganhou repercussão nas redes sociais, ele foi preso ainda em 2019 quando na época trabalhava para o jogador Fernando, volante que hoje atua no Beijing Guoan, na época do fato ele foi contratado pelo Spartak Moscow e decidiu levar o motorista para o pais para ser seu motorista, quando Robson iria para a Rússia, um funcionário de Fernando deu uma mala fechada para ele levar para Willian, que e sogro do jogador, na mala continha duas caixas do remédio Mytedom 10mg ou cloridrato de metadona, o medicamento é proibido na Rússia, o motorista foi preso por trafico e pode pegar até 25 anos de prisão.

Robson Oliveira em tribunal russo. Foto/Reprodução: Globo
Anúncios

O jogador afirmou a inocência do motorista em um vídeo e contratou um advogado russo para defender ex-funcionário, foi solicitado um pedido de fiança mas a justiça negou, o remédio que no Brasil e usado para aliviar dores e proibido na Rússia por ser usado no tratamento em viciados em heroína e a legislação russa e bastante rigorosa, nem Fernando ou sua família prestaram depoimento a justiça russa na época.

“Ele é inocente. Só trouxe remédio para o meu sogro” – Fernando

Fernando durante partida do Beijing Guoan pela Liga Chinesa Foto: Getty Images
Anúncios

Nas redes sociais a tag #JustiçaPorRobson foi um dos assuntos mais comentados, outros jogadores como Richarlison, meia do Everton da Inglaterra se juntaram a campanha para libertação do motorista.

Via: R7

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: