Mulheres Pretas que Inspiram

Mulheres que inspiram: Ana Paula Xongani indica quem seguir nas redes 

A creator e multiempresária Ana Paula Xongani também usa as redes sociais para ampliar suas referências e conexões visando sempre construir uma carreira sólida em seus diversos empreendimentos.

A narrativa disruptiva que Ana Paula Xongani defende ao longo de sua trajetória, estando presente de forma plural e diversificada em meios de comunicação e também no meio empresarial, é formulada também através da busca constante por conhecimento. Sendo ela uma mulher com vários interesses, sua busca por informações também acontece de forma plural, nos diversos círculos sociais que frequenta e também por meio das redes sociais com pessoas de várias etnias, classes sociais e crenças.

Anúncios

Todo o seu conteúdo é inspirado em mulheres que rompem com padrões e estereótipos estabelecidos, pessoas que impactam os seus trabalhos. Aqui, Ana Paula Xongani lista 5 mulheres referências múltiplas e diversas que a ajudam a construir e fortalecer suas narrativas e ideias.

Samantha Almeida

Samantha tem uma carreira muito admirada, multifacetada e veloz, acompanho suas redes pois ela é uma referência não só para mim, mas para muitas pessoas, principalmente por ela alcançar novos lugares com um discurso potente e muita articulação possibilitando que sejam abertas caminhos para outras mulheres. Eleita uma das 100 afrodescendentes abaixo de 40 anos mais influentes do planeta pela ONU, por onde ela passa, tenho a certeza que novas portas serão abertas.

Atualmente, ela é diretora de criação na Rede Globo, a maior emissora da américa latina. Tem uma formação diversa com bacharelado em Desenho e Moda, tendo atuado como estilista por mais de 10 anos, fez MBA em Administração e Varejo, além de cursos como Teatro, Astrologia e História da Arte.

Raquel Virginia

Raquel é uma mulher surpreendente, cantora, empresária, CEO da consultoria Nhaí, agência de entretenimento e marketing e tem uma atuação muito consistente no ramo empresarial. Também é responsável pelo projeto Contaí, que gera negócios e conexões entre empresários e empreendedores LGBTQIAP+ preto, sempre olhando para a capacidade de mobilização das pessoas e de inovação nos processos. Fundadora da banda As Baías e a Cozinha Mineira, essa mulher segue carreira solo na música e já foi indicada duas vezes ao Grammy Latino, fazendo história também aqui, sendo a primeira mulher trans a realizar esse feito. Raquel há anos contribui para a oxigenação e inovação da cultura brasileira, atua também como consultora e palestrante nas áreas de inovação, diversidade e entretenimento, compartilhando boas práticas que estruturaram sua empresa em plena pandemia e superando as barreiras do preconceito. Raquel, assim como eu, trabalha por uma causa e os caminhos que ela traça servem de comparação para que eu construa um paralelo nas causas e empreendimentos que eu construo.

Renata Martins

Renata Martins é uma referência nas artes visuais e trabalha com uma construção de imaginário mais diverso e positiva principalmente para as pessoas e mulheres negras como eu. Formada em Cinema e Pós-Graduada em Linguagens da Arte pela USP é criadora da premiada web série “Empoderadas” e diretora do premiado curta “Aquém das nuvens”.

Seus trabalhos são atravessados por questões raciais e de gênero, mas não só isso, como ela traz esses resultados, contemplando as necessidades dessa discussão e principalmente construindo um produto audiovisual de muito sensibilidade, expressando a beleza e as sutilezas, que as comunidades negras também tem mas que muitas vezes não temos oportunidades ou até espaço para nos expressarmos. Tenho certeza, que ela vai impactar muito no audiovisual brasileiro, todo o seu trabalho me alimenta em paralelo a minha profissão, que tem tudo a ver com o que a gente produz de imagem para o mundo.

Não podemos esquecer que Renata também é roteirista da série “Pedro e Bianca”, ganhadora dos Prêmios Emmy Kids Internacional, Prix Jeunesse Ibero-americano e Internacional. E é fundamental ter uma voz ativa para repensar o cinema, a televisão e a internet no Brasil.

Cris Naumovs

Cris é consultora de criatividade, inovação e humanidade, tem passagens pelas mais diversas redações do país, DJ nas horas vagas, fundadora do Bloco do Apego, fundadora do Apego Inc, sua própria consultoria e mentora de negócios sociais. Está envolvida em apoio a causas como a Casa Neon Cunha, de acolhimento a pessoas trans, entre outras. Em todos os seus trabalhos está muito impresso a dimensão da diversidade, como para as grandes marcas no qual já trabalhou Ambev, Havaianas, Burger King e Meta (o antigo Facebook). Os conceitos que ela fomenta nas empresas viram inspiração para que nós construamos a nossa relação com quem está diretamente com a Ana Paula xongani e quanto aos indiretos. Já na dimensão da consultoria, a APX também presta consultoria para diversas marcas, tudo que acreditamos está alinhado com o que a Cris acredita, portando de modo geral para as marcas. Está envolvida em apoio a causas como a Casa Neon Cunha, de acolhimento a pessoas trans, entre outras.

Silvanny Sivuca

Sivuca, como muitos a chamam, é percussionista e conhecida por sua habilidade com o timbal. uma grande referência como musicista, e dedica parte de sua carreira para educar crianças e adolescentes através da música. A educadora participa do Projeto Social Regente da Banda Alana, mais especificamente dedicada à “Prática de conjunto”, trabalhando com o intuito de promover o desenvolvimento integral de crianças e adolescentes e transformar a vida deles através da música. Eu respeito muito as educadoras de todo Brasil, o quanto que a gente mobiliza essas ações, além de gerar empregos com o seu bloco de carnaval “Bloco Me Lembra Que Eu Vou”. Formada na Universidade Livre de Música, foi eleita a melhor instrumentista do Brasil pela “WME Awards By Music2!” 2021, levou o swing brasileiro para Europa em workshops educativos, onde aprendeu várias linguagens musicais, tais como: Maracatu, Caboclinho, Samba, Música da Bahia e Bois do Maranhão. Hoje, é percussionista e baterista dos artistas Emicida e Fióti que fazem parte do Laboratório Fantasma e também integrante da Banda do Caldeirão do Mion.

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: