TV

Minissérie “Cotidiano Negro” traz realidade de quem vive na quebrada com muita consciência e bom humor

Serie traz situações do nosso cotidiano com muito humor e assuntos cotidianos.

O projeto “Cotidiano Negro” é uma minissérie que retrata o dia a dia da relação interpessoal de uma rua aos olhos de pessoas negras. O intuito é proporcionar uma conscientização de assuntos relevantes, como racismo, machismo, transfobia, entre outros assuntos, através da sátira e do humor.

Registro da gravação d 3 episodio de “Cotidiano Negro” Foto: Dr4ma
Anúncios

Com início em 2021, a minissérie possui duas mulheres negras à frente da idealização criativa e de direção do projeto, sendo elas: Aliara Martins e Andréa Félix. A equipe também conta com a Dr4ma no audiovisual. Os atores contam com artistas da cena Hip-Hop de Uberlândia, como Kzey, Witch, Dtralha, Buchecha, entre outros, buscando trazer representatividade nos assuntos tratados.

O lançamento aconteceu no dia 20 de dezembro no canal do YouTube. Com 3 episódios interligados em uma história pra lá de engraçada e consciente. Assista o making of abaixo:

As criadoras da serie falaram sobre a criação e produção ao Cultura Preta, confira abaixo:

Dr4ma: “Ser convidada por duas grandes referências do Hip-Hop feminino em Uberlândia pra mim foi uma enorme honra. As meninas me deixaram bem livre pra criar, conforme a idealização do que elas me passaram, sendo nós vídeos ou nas redes sociais. Tudo me permitiu um crescimento pessoal importante em minha carreira, e tenho certeza que esse vai ser o nosso primeiro trabalho de muitos.”

Ela também falou sobre como foi a produção, onde apesar da limitação de equipamentos, pode seguir com as gravações em boa qualidade.

“A nossa maior dificuldade foi o fato de ser independente. Então só tínhamos a câmera, e eu improvisei um estabilizador com cano pvc que deu uma ajudada. A ideia é que em 2022 a gente consiga ter apoio financeiro e investimento em equipamentos, como microfones.”

Gravações da serie “Cotidiano Negro” Foto: Dr4ma
Anúncios

Andréa: “Cotidiano negro nasceu após presenciarmos uma briga de casais vizinhos! Eu, Aliara Martins, Amanda Dr4amallama e Jordan Félix (vulgo Tejota )começamos a conversar sobre como estas brigas, esses “acontecimentos ” são corriqueiros, viraram sim ” COTIDIANOS ” em nossas vidas mesmo tão corridas e cansativas.”

“Eu presenciando a Aliara contar quantas contendas ” COTIDIANAS” ela mesma já presenciou, olhei para meu lado esquerdo estava a Amanda que é a melhor camera woman que eu conheço e do direito o Tejota que escreve letras músicas brilhantes, a pergunta me veio no mesmo instante: ‘ O que vocês acham de colocarmos tudo isso em um filme?’. Na hora os 3 toparam, porém a Aliara me trouxe para a realidade já que a logística para viabilizar um filme, para nós ainda era uma realidade distante, porém não desistimos, resolvemos fazer series cada uma com 3 episódios!”

“E em menos de um mês conseguimos viabilizar os três primeiros episódios com o melhor elenco ( por todos estarem focados na mesma intensidade… coisas de Deus mesmo) sempre fomentando assuntos de extrema relevância com pitadas pesadas de humor fazendo com que os mesmos ganhe muita leveza! Nosso sonho é transcender fronteiras levando nosso trabalho para que mais pessoas se sintam representadas e resinifiquem tirando suas próprias reflexões. Sejam todos bem vindos ao nosso Cotidiano Negro!”

Aliara: “Tudo começou com uma briga na vizinhança, conversa fiada e risadas. E de repente, Andrea se vira pra mim e questiona se todas as situações de traições, brigas, bordões únicos e originais não poderiam se tornar um filme. Eu disse que filme seria um pouco distante, já que não tínhamos tantos recursos para algo grandioso assim, porém… Uma série poderia ser uma boa ideia. E cá estamos.”

“Convidamos um elenco de peso, pessoas escolhidas a dedo, com o intuito de mergulhar num mundo onde nunca havíamos sido chamados, a atuação. E acredite, somos muito bons, porque tudo foi improvisado. O roteiro que eu a Andréa sempre escrevemos é pensado em situações que com certeza aconteceria facilmente na favela.”

“Me sinto honrada pelo o projeto e espero que ele tome uma proporção de não só trazer alegria para as pessoas, mas que, elas queiram procurar saber mais de cada participante de dentro e de fora das câmeras. Espero que gostem!” finaliza a atriz e produtora da serie.

Cotidiano Negro está disponível no YouTube no canal oficial da serie com os 3 episódios já disponiveis, clique e assista.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: