ONGs de direitos humanos pedem que Hamilton boicote GP da Arábia Saudita

50 entidades ligadas aos direitos humanos pediram que o piloto britânico Lewis Hamilton da Mercedes-AMG  boicote o GP da Arábia Saudita de Fórmula 1, marcado para 5 de dezembro de 2021. As organizações pediram que, se não puder faltar, o britânico se manifeste contra as violações cometidas pelo reino saudita.

Lewis Hamilton ao lado do corro W12 da Mercedes, carro da temporada 2021 Foto: Reprodução/Instagram
Anúncios

Nos últimos anos, a monarquia absolutista islâmica do rei Salman Bin Abdul Aziz Al-Saud tem usado o esporte para tentar passar ao mundo uma imagem de país em transformação. É tudo parte do plano ‘Visão 2030’, uma iniciativa apresentada em 2016 pelo príncipe Mohammed Bin Salman para reduzir a dependência da Arábia Saudita do petróleo, diversificar a economia e desenvolver setores como saúde, educação, infraestrutura, recreação e turismo.

Famoso internacionalmente por violações e brutalidade, o reino usa o esporte para mostrar outra imagem ao mundo. O Rali Dakar, por exemplo, exibe belas paisagens sauditas. A Supercopa da Espanha de 2018 mostrou homens e mulheres dentro de um mesmo estádio de futebol, algo incomum na realidade local.

Anúncios

A presença dos esportes ocidentais no território saudita é alvo de muitas criticas por servirem como uma espécie de máquina de lavar. Ano passado, às vésperas do Rali Dakar, a ONG Repórteres Sem Fronteiras emitiu uma nota pedindo que os envolvidos na disputa não servissem de propaganda. A Anistia Internacional, por sua vez, tem feito denúncias de constantes violações e aumento da repressão enquanto o esporte é usado como ferramenta de propaganda.

Em uma longa carta aberta, as ONGs apontaram violações aos direitos das mulheres, denunciaram tortura e lembraram do caso do jornalista Jamal Khashoggi, assassinado no consulado saudita na Turquia. Semana passada, o governo dos Estados Unidos divulgou um informe produzido há dois anos onde a inteligência americana concluiu que o príncipe Bin Salman “aprovou a operação em Istambul, na Turquia, para capturar ou matar o jornalista saudita Jamal Khashoggi”, que era considerado “uma ameaça ao reino”.

Confira trechos da carta enviada a Hamilton:

“Caro Lewis Hamilton,

Parabéns por outra temporada de sucesso na Fórmula 1. Você não só venceu corrida após corrida, mas também liderou a Fórmula 1 em questões de diversidade e justiça. Louvamos sua dedicação em aumentar a conscientização sobre questões que são importantes para você e esperamos que você continue lutando na temporada 2021 da Fórmula 1. Como organizações profundamente preocupadas com os abusos aos direitos humanos cometidos pelo reino da Arábia Saudita, pedimos que você reconsidere sua participação na corrida que será realizada na Arábia Saudita em 2021. Se não for possível por causa de compromissos anteriores, pedimos que se manifeste nesta corrida.

Anúncios

Sr. Hamilton, nós acreditamos que existem muitas maneiras para que você manifeste uma posição nesta corrida. Usar sua plataforma pode ser tão simples quando tuitar a história de Loujain Al-Hathloul e pedir para que o governo saudita liberte Loujain [#FreeLoujain, no texto original] incondicionalmente, levantando o veto de viagem, permitindo que a família dela viaje e retirando as acusações. Além disso, a família de Loujain pedi que as pessoas que torturaram Loujain sejam responsabilizadas. Levando em conta que Loujain foi punida por dirigir, você poderia colocar um adesivo de Loujain no seu carro durante a corrida. Outra sugestão é que você use uma camiseta no dia da corrida pedindo que o governo saudita liberte Loujain e pare a guerra no Iêmen. Os organizadores desta carta ficaram felizes em fornecer qualquer material que você precise ou encontrá-lo para discutir ideias de ações e outras preocupações.

Via: Grande Premio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.