Matérias

Racismo dentro do futebol

Recentemente varios casos de racismo veem acontecendo no futebol nacional e internacional, reveja casos que repercutiram na mídia.

No Brasil sabemos que ser jogador de futebol e um sonho de muitas crianças, as negras principalmente, pois maioria delas veem esta como uma forma de chegar ao sucesso de forma rápida e poder ajudar seus familiares a ter uma vida melhor, a grande pressão desde as categorias de base até chegar ao profissional (se chegar) e presente na vida de jogadores e jogadoras de futebol desde a infância. Mas ainda sim os jogadores negros ainda tem que lhe dar com o racismo no futebol.

Jão Nicomedes

Jogar em um grande clube no futebol nacional ou internacional alem de trazer holofotes também traz a pressão de jogar bem e não decepcionar nem o clube e nem a torcida, isso com certeza e o que pensa todo jogador de futebol, mas se você for negro, essa cobrança será maior,  Mano Brown disse “Como fazer duas vezes melhor, se você tá pelo menos cem vezes atrasado”.

Se não bastasse a cobrança, jogadores negros acabam sofrendo o racismo dentro de campo, seja por algum erro ou por conta da ignorância de torcedores que vão ao estadio ou até as redes sociais destilar o seu racismo contra jogadores de seus clubes ou de clubes rivais.

O futebol tem Pelé considerado o maior de todos os tempos, um jogador negro que ganhou inúmeros títulos nacionais e internacionais e um dos poucos a marcar mais de 1000 gols em suas partidas oficiais, alem dele, outros jogadores negros fizeram e fazem historia no futebol mundial como Mbappé, Neymar Jr, Willian, Ronaldinho Gaúcho, Davids, Henry, Yaya Touré entre outros, mas como sabemos, o racismo ele vai atingir o negro independente de sue dinheiro, sua fama ou de seus feitos, não importa seja ele qual for, o preto ainda tem que conviver com o racismo, e ainda por cima em clubes de grande expressão como por exemplo Dani Alves que comeu uma banana arremessada nele quando iria cobrar um escanteio durante a partida entre Villarreal e Barcelona durante partida da La Liga, na ocasião o jogador ainda comeu a banana como forma de ironia ao ato da torcida rival.

Por isso fiz está lista com alguns jogadores que já sofreram racismo dentro e fora de campo,  com casos recentes e alguns que repercutiram na mídia, confira:

Paul Pogba

PRI_79848652-e1565631702846

O jogador campeão mundial pela seleção francesa sofreu ataques racistas da torcida do clube que joga atualmente o Manchester United após perder uma cobrança de pênalti! O clube repudiou as ofensas de seus torcedores, “tolerância zero”.

Fernandinho

1545580990-966354224-747x429

Na Copa do Mundo de 2018, Fernandinho acabou fazendo um dos gols da Bélgica na vitoria sobre o Brasil por 2×1, após a eliminação o jogador foi alvo de ofensas racistas de torcedores brasileiros pelo gol contra em suas redes sociais.

Junior Urso

o-jogador-junior-urso-do-corinthians-comemora-gol-durante-a-partida-entre-corinthians-e-ferroviaria-valida-pelo-campeonato-paulista-2019-1562793660653_v2_1920x1080

O jogador que atualmente defende a camisa do Corinthians revelou em entrevista que sua tatuagem feita nas costas (um punho cerrado) foi por conta do racismo sofrido enquanto atuava na China no Guangzhou. O jogador disse em entrevista “Cada um reage de uma forma, absorve de um jeito. Quando ele falou, foi um susto muito grande. Eu realmente não sabia o que era o racismo antes de passar por isso”.

Aranha

aranha_diegoguichard

Jogando naquela ocasião pelo atuando pelo Santos, o goleiro foi alvo de gritos de ‘macaco” por torcedores do Grêmio, inclusive uma torcedora foi flagrada pela transmissão gritando a ofensa racista. Naquela ocasião a torcedora foi identificada e na época perdeu o emprego que estava e o Grêmio foi punido pelo STJD.

Kevin Prince-Boateng

GettyImages-162211241.0

O jogador que apesar de ser alemão tem a origem ganesa e durante uma partida contra o Pro Patria o jogador que defendia  Milan sofreu cânticos racistas da torcida rival, Boateng abandonou a partida, o time também deixou o campo e a partido foi paralisada.

Balotelli

EURO 2012: ALLENAMENTI NAZIONALE ITALIANA

O italiano de origem ganesa durante a EURO de 2012 sofreu ataques racistas de torcedores croatas que arremessaram uma banana em campo. A Futebol Contra o Racismo na Europa, que trabalha junto da UEFA e tem dois “monitores internacionais” em cada partida, escreveu em sua página no Twitter que seus membros apontaram “entre 300 e 500 torcedores croatas” envolvidos em ataques raciais a Balotelli.

Tinga

20130520150404307679o

O ex-jogador e hoje gerente de futebol que na época atuava pelo Cruzeiro foi vitima de racismo durante uma partida da Libertadores, o time que a raposa enfrentava era o Real Garcilaso e os torcedores faziam sons de macaco sempre que Tinga pegava na bola. Na ocasião, a ex-presidente Dilma Rousseff comentou o caso no seu Twitter.

Malcon

image

Recém chegado do Barcelona ao Zenit da Russia, Malcon não foi bem recebido por torcedores do clube que em sua estreia levaram uma faixa com os dizeres “Obrigado à direção por se manter leal às nossas tradições”. Uma alusão ao fato de que o clube não tem hábito de contratar atletas negros. O clube minimizou o caso e os torcedores disseram que apenas seguem tradições e que não são racistas.

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: